Guia definitivo de marketing digital para empresas de consultoria de energia: 7 pilares + 10 ferramentas

Conheça 7 pilares + 10 ferramentas de marketing digital para empresas de consultoria de energia e comece a gerar mais negócios hoje mesmo!

Repensar o relacionamento com clientes é um dos pontos-chave para empreender com sucesso, logo, o marketing digital para empresas de consultoria de energia pode ser vital para propiciar novos negócios e aumentar os ganhos financeiros. Por sinal, tais estratégias podem ser decisivas frente a um mercado cada vez mais competitivo, pois segundo a Câmara de Comercialização de Energia (CCEE), em 2019, a base de agentes cresceu 18,3%, passando de 7.619 para 9.010. 

Aliás, a grande promessa para os próximos anos é a expansão do Mercado Livre de Energia, com a possibilidade de chegar até mesmo às residências, tal como acontece em diversos outros países. E, com essa crescente demanda, também surgem mais consultorias de energia e comercializadoras, por isso, agora é o momento de se diferenciar entre a concorrência e conquistar uma presença digital eficiente, o que requer planejamento e geração de valor. 

Bem, se você chegou nesse artigo, já está começando muito bem: sua empresa precisa estar online para crescer ainda mais! Pensando nisso, vamos te explicar os sete pilares essenciais do marketing digital para empresas de consultoria, lembrando que o primeiro passo é entender as necessidades de clientes em potencial para oferecer soluções que facilitem sua vida, principalmente em tempos de pandemia da covid-19. 

Mas antes… por que empresas de consultoria de energia devem investir em marketing digital? 

Que tal começar a receber novos contatos comerciais pela caixa de email, vindos de clientes que te encontram na internet? Independente da verba ou do porte da sua consultoria, é possível sim “mover o mercado”, de maneira popular e democrática. Isso vai desde criar personas para dialogar efetivamente com públicos de interesse até compreender a jornada do consumidor e as etapas do funil de vendas

Além disso, se comparado ao marketing tradicional, sem dúvida, o marketing digital para empresas de consultoria é mais acessível e, ainda, eleva muito o retorno sobre o investimento (ROI). Assim, você tem mais controle sobre a estratégia, e consequentemente, sobre os resultados!  

Na prática, o marketing digital para empresas de consultoria pode demonstrar o conhecimento técnico e o comprometimento com a energia limpa. Para exemplificar, quando alguém têm uma intenção de busca relativa ao termo “como tornar uma empresa sustentável”, um dos principais conteúdos mostrados pelo Google pode ser aquele que foi criado por sua equipe. 

Trata-se de conquistar autoridade e tornar-se referência em certos assuntos. Ou seja, aumentar o tráfego no site e gerar leads qualificados são táticas que conferem mais visibilidade e reforçam sua credibilidade. Mas, afinal, por onde começar? Vamos te mostrar os pilares essenciais do marketing e, em seguida, algumas das ferramentas para aprimorar a presença digital. 

Os 7 pilares das estratégias digitais 

A versatilidade do marketing digital abrange um conjunto de estratégias, que vamos dividir em diferentes etapas do funil. 

funil-pilares

Para atrair novos consumidores: 

  1. Marketing de conteúdo 

O inbound marketing é uma técnica para contar histórias por meio de conteúdos que sejam, ao mesmo tempo, valiosos e atrativos. Visa engajar, chamar atenção e, por fim, dirigir ações para obter retornos lucrativos.

  1. SEO (Search Engine Optimization) 

Relacionada à “busca orgânica”, a otimização dos mecanismos de busca objetiva melhorar o posicionamento dos sites em buscadores (Google, Yahoo, Bing etc.) para dar preferência às suas páginas ao invés de conteúdos similares.  

  1. SEM (Search Engine Marketing)

O marketing dos mecanismos de busca é focado em comprar mídias digitais que geram mais acessos aos sites, aliando os esforços pagos (links patrocinados) e os não-pagos (SEO). 

  1. PPC (Pay Per Click) 

São anúncios pagos, no formato pague-por-clique, isto é, o próprio anunciante paga sempre que alguém clica em seu anúncio, o que diversifica os acessos e amplia o alcance das campanhas. 

  1. Marketing de afiliados 

Muito usado pelas recomendações de influenciadores digitais (mas não limitado a isso), o marketing de afiliados consiste nas comissões para promover produtos de outras empresas e pessoas. 

Para converter em prospects: 

  1. Mídias sociais

A interatividade das mídias sociais representa um apoio fundamental para viabilizar as demais estratégias, à medida que distribui os conteúdos em larga escala, juntamente com outras iniciativas de prospecção e fidelização de clientes. 

  1. E-mail marketing

O uso consciente do e-mail marketing possibilita segmentar uma lista de e-mails para conversar com clientes, de modo eficaz e privativo, lembrando que há diferenças entre cold mailing e spam. 

Plus: mais formas de gerar vendas 

  • Materiais ricos (e-books, planilhas interativas, vídeos, podcasts e outros conteúdos audiovisuais) também contribuem para converter visitantes em leads; 
  • Casos de sucesso ajudam a engajar o contato de e-mail na hora de ativar a venda, pois servem como uma prova social que atesta a qualidade; 
  • Diagnósticos e demonstrações são formas de oferecer “pílulas” do serviço, possibilitando que conheçam mais sobre a consultoria e queiram contratá-la. 

10 ferramentas de marketing digital para empresas de consultoria 

Agora que você já conheceu as principais estratégias para ter presença digital e começar a gerar novos contatos, listamos dez opções de ferramentas para te ajudar a colocar em prática essas ações: 

Para planejar a estratégia digital: 

  1. SEMRush

Com versão gratuita e paga, o SEMRush entrega dados consolidados sobre as buscas dos usuários, demonstrando as palavras-chave orgânicas nas quais os concorrentes estão bem posicionados. 

  1. Google Keyword Planner

O planejador de palavras-chave seleciona os termos mais adequados em relação aos produtos e serviços, mostrando a frequência das pesquisas ao longo do tempo. Isso ajuda a delimitar o orçamento publicitário e planejar campanhas. 

  1. Google Trends

Basicamente, o Google Trends demonstra as tendências mundiais das pesquisas de assuntos e palavras-chave. Dessa forma, os resultados indicam o que está em alta em tempo real ou em determinados períodos. 

Para executar a estratégia e acompanhar a performance: 

  1. Google Analytics

Já o Google Analytics serve para monitorar o desempenho de sites e blogs, observando as ações de visitantes, quais foram as fontes de acesso, quanto tempo permaneceram nas páginas etc. 

  1. WordPress

A plataforma WordPress é essencial para escrever artigos amigáveis para diversos buscadores. Isso porque os conteúdos de qualidade atraem mais tráfego para essas páginas. 

  1. Google Search Console

Com o Google Search Console, você pode acompanhar o posicionamento do site nos resultados do Google, entender quais palavras-chaves trazem mais tráfego e os pontos de melhorias.  

Para aprimorar o relacionamento:

  1. MailChimp

Como um dos maiores provedores mundiais de e-mail marketing, o MailChimp tem uma versão gratuita para quem tem um mailing de até 2 mil inscritos, considerando o limite de 12 mil disparos mensais. 

  1. RD Station

A plataforma de automação RD Station tem metodologia própria, voltada para atração, conversão e relacionamento, possibilitando a análise dos resultados em relatórios unificados. 

  1. Hootsuite

Ideal para gerenciar os perfis da empresa nas diferentes mídias sociais, o Hootsuite agiliza o agendamento das postagens, bem como facilita as respostas às respectivas interações. 

  1. Lahar

Software nacional de automação, o Lahar se propõe a descomplicar a estratégia para gerar vendas. A propósito, esse podcast fala justamente sobre como o marketing digital para empresas de consultoria pode ajudar a superar a crise do coronavírus. 

E, então, gostou das dicas de marketing digital para empresas de consultoria de energia? No nosso blog temos mais conteúdos para ajudar você a aprimorar seus serviços e inspirar cada vez mais clientes a migrarem para o Mercado Livre de Energia