Gestão ágil de projetos: entenda o conceito e implemente

Com uma metodologia de gestão ágil de projetos, você conseguirá ver rapidez, flexibilidade e integração no modo como os projetos são planejados em sua empresa.
gestão ágil de projetos

Você já imaginou quantos benefícios seu time poderia trazer para a empresa ao entregar resultados mais satisfatórios e com maior agilidade? Com uma metodologia de gestão ágil de projetos, você conseguirá ver rapidez, flexibilidade e integração no modo como os projetos são planejados em sua empresa, o que implicará em resultados mais efetivos e valor gerado para o cliente e consequentemente para a organização em menor espaço de tempo. Isso porque, por meio desse modelo de gestão, os projetos são planejados em níveis diferentes de detalhamento mas com a premissa de entregas de valor constantes e rápidas para criar um ciclo de feedback efetivo com o cliente.

Neste texto, você verá o que é gestão ágil de projetos, como ela funciona e suas vantagens. Confira!

O que é gestão ágil de projetos?

A gestão ágil é o conjunto de técnicas e práticas que tem como função otimizar o fluxo de entregas de um projeto, tornando todo esse trabalho mais dinâmico, fácil, eficiente e eficaz. Todo o processo é dividido em entregas menores, mas com valor percebido pelo cliente, facilitando a aplicação de mudanças sem comprometer a qualidade do produto final gerado. Assim, muitas empresas estão optando por métodos ágeis para gerenciar projetos, eles permitem a criação de um ciclo de feedback rápido e contínuo que traz mais valor para o cliente pois entrega um resultado mais aderente com as expectativas, que vão sendo entendidas e ajustadas ao longo de todo o projeto.

Normalmente os times que trabalham com metodologias ágeis desenvolvem suas entregas em ciclos curtos, que vão de 1 a 4 semanas. O objetivo é que ao final desse período seja produzida uma entrega para o cliente para que ele utilize e forneça feedback. Esse processo permite a realização e repriorização constante de todo o escopo a ser desenvolvido.

Listamos abaixo as principais características, benefícios e vantagens na utilização de metodologias ágeis.

 Como a gestão ágil funciona?

O funcionamento da gestão ágil é de simples entendimento: os envolvidos no processo participam de todas as fases de uma maneira dinâmica e menos rígida do que numa gestão tradicional. Por ser centrada em pessoas e ter como foco a agilidade, a motivação das pessoas do time, a entrega de valor aos clientes, otimiza o processo de entrega de um projeto, a busca por excelência e os ajustes frequentes. Para funcionar adequadamente, as principais características da gestão ágil são:

·      transparência: um processo claro se constrói com um time que se comunica de forma eficaz, garantindo o amplo entendimento sobre todo o processo;

·      flexibilidade: o time deve estar preparado para eventuais mudanças e imprevistos. Além disso, a preparação é muito relevante para absorver as transformações;

·      interatividade: focada no envolvimento e comprometimento das pessoas e na ligação com os processos;

Quais são as vantagens da gestão ágil?

A gestão ágil traz uma série de benefícios para o time e para os clientes da empresa, contribuindo diretamente na reputação e na forma como a empresa é vista.

Confira a seguir as principais vantagens dessa gestão!

Melhora do controle e da qualidade

A qualidade é uma preocupação constante dos times que utilizam abordagens ágeis de gestão de projetos e é vista principalmente em dois aspectos: o atendimento às expectativas do cliente; a perenidade da solução desenvolvida.

Como as soluções são criadas a partir do time do projeto, as decisões e soluções apresentam muito mais qualidade.

Aumento da satisfação do cliente

Como o projeto é conduzido e entregue através de pequenos incrementos de valor de forma rápida e constante, o cliente consegue capturar benefício mais cedo do que em projetos tradicionais, podendo com isso ajustar suas necessidades sem ter que aguardar muito tempo para que sejam implementadas.

Aumento do valor agregado

Através da criação de um ciclo contínuo de feedback em relação às entregas realizadas, os próximos itens a serem desenvolvidos são repriorizados constantemente pelo cliente, maximizando o valor entregue pelos times, ou seja, dificilmente o time trabalhará em algo que não seja o item com maior valor agregado do seu backlog.

Diminuição dos riscos

Umas das principais vantagens de abordagens ágeis está em minimizar os riscos envolvidos na criação de um produto ou serviço. Utilizando o conceito de Minimun Viable Product (MVP) e das entregas incrementais, é possível avaliar a satisfação do cliente, a adesão do mercado (market fit), o modelo de negócio (economic fit) e a viabilidade técnica (solution fit) do que está sendo entregue constantemente, ajustando sempre que necessário com um custo reduzido e no menor tempo possível.

As organizações que adotam a gestão ágil de projetos normalmente estão mais preparadas para lidar com os cenários de muita incerteza, onde o que está sendo desenvolvido pode mudar constantemente.

Existem diversos métodos e ferramentas que podem ajudar na aplicação dessa forma de gestão de projetos, mas para trazer todo o benefício potencial que a agilidade oferece, é necessário que a cultura da organização esteja alinhada com os valores da agilidade muito mais do que a utilização de ferramentas e frameworks de trabalho.

Esperamos que esses conceitos possam ajudar você a entregar mais valor para seu cliente e sua organização.

Agora, mostre aos seus contatos a grande importância desse assunto compartilhando este artigo em suas redes sociais!